CARRO MOVIDO À ÁGUA? ISSO É VERDADE?

postado em 4 de set. de 2016 14:46 por Silvio Luis dos Santos

Muito se fala à respeito do milagroso kit que “diz” fazer o carro funcionar somente com água, ou rodar mais de 1000 kms com apenas 1 litro de água! Mas..........

Será que é verdade?

A instalação é segura?

Vai danificar o motor?

Pra começar, vamos entender como funciona:

Uma mistura de água destilada e hidróxido de potássio são depositados em um reservatório, essa mistura vai para um pequeno reator que quebra as moléculas da água e separa o oxigênio do hidrogênio que sai em forma de gás do reator. Esse gás passa por um secador e é ligado na tubulação de entrada de ar do motor.

A partir daí já podemos constatar 2 coisas:

1º Não é água de torneira. Água destilada não é potável,  não contém cloro nem minerais.

2º O hidrogênio por si só não consegue funcionar o motor, visto que, a produção do gás é baixa, portanto, ainda depende do combustível original do veículo.

Todos esses componentes são instalados no veículo o mais longe possível do motor, já que a temperatura elevada afeta o funcionamento do reator.

O hidrogênio tem um alto poder de combustão (até 10X mais que a gasolina), mas a chance de uma explosão no carro é praticamente nula. O sistema não acumula o gás gerado, tudo o que produz já é consumido instantaneamente pelo motor.

Não há nada que também comprove o comprometimento do motor, já que o sistema funciona como um “aditivo” ao combustível original.

Já em relação à real economia de combustível existe muita contradição. Alguns dizem que não viu diferença significativa outros relatam uma economia de até 50%.

Vale lembrar que existem vários componentes que são adquiridos separadamente e que são necessários dependendo do modelo do veículo e motor.

O custo varia de $650,00 (kit básico) a $2600,00 (kit completo) fora a instalação (em média $600,00)

Portanto, a eficiência do sistema depende muito dos componentes e acessórios corretos para cada veículo e uma correta e eficiente instalação!

Comments